Sempre fui muito ligado com tecnologia. Quando eu tinha uns 10 anos, meu pai trouxe o primeiro computador para casa. Ainda lembro os comandos que usava para acessar o Windows 3.11 ou iniciar alguns jogos que eu tinha via MS-DOS. Achava fascinante um dispositivo eletrônico onde eu tinha o controle absoluto do que eu queria fazer.
Na adolescência, me interessei pelo design ao navegar por fóruns e baixar o photoshop pela primeira vez. Comecei criando banners e assinaturas para os usuários de um fórum de tecnologia chamado The Rebels.
Trabalhei como designer gráfico durante 8 anos, até migrar para a área de usabilidade e interfaces (UX/UI) em 2017. Hoje eu sou Head de Design migrando para Product Manager em uma empresa com foco em sustentabilidade.
A fotografia entrou na minha vida como uma paixão. Eu sempre fui consumidor de documentários sobre todos os assuntos, e foi ao ver um sobre a vida da Vivian Meier que eu me apaixonei. Nunca tinha parado para entender a arte, técnica e olhar necessário para tirar uma boa foto. Comprei então uma Fuji X10 usada e me arrisquei nesse mundo novo, aprendendo tudo em tutoriais no youtube.
Minha inspiração vem muito da arte, de filmes, documentários e, provavelmente, na parte mais importante da minha vida, a música. Não faço literalmente nada na vida sem ela.
A picture is a poem without words - Horace
Back to Top